Carros elétricos ganham mais energia

As vendas de carros movidos a eletricidade no Brasil superaram em 2017 a marca de três mil unidades, o triplo do número alcançado em 2016. Ainda é um desempenho tímido se comparado ao de países como China, que tem a liderança no mercado mundial, com cerca de 450 mil veículos, e Estados Unidos, com mais de 100 mil carros emplacados. Segundo dados do Denatran, circulam nas ruas brasileiras pouco mais de sete mil carros elétricos e híbridos. Automóveis totalmente eletrificados ainda são raros e enfrentam dificuldades para recarregar as baterias. Calcula-se que os pontos de recarga não passem de 50 em todo o país.
Essa realidade, porém, está prestes a mudar com a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) prometida pelo governo. Nos próximos dias, o Ministério da Indústria e Comércio (Mdic) deverá anunciar a diminuição do imposto de 25% para 7%. O benefício incentiva a entrada de novos modelos eletrificados no mercado brasileiro.
NA TOMADA:
A frota de veículos elétricos em circulação (números de 2017)
China 450 mil
EUA 100 mil
Brasil 7.240 mil
3.296 é o número de unidades vendidas no Brasil em 2017
156 mil unidades é o potencial do mercado de elétricos no país, ou 7% das vendas em 2017.
040417tesla.PNG
AS PREVISÕES PARA O SETOR:
Frota Mundial de Elétricos e Híbridos Em 2020:  13 milhões de veículos
Em 2030: 140 milhões de veículos, ou 10% da frota mundial
Estudo da Accenture Strategy e da FGV Energia
 
CORREIO BRAZILIENSE – Negócios – Brasília – DF – 15/03/2018 – Pág. 10
Anúncios

Nova Safra de Sedãs

maxresdefault.jpg

Depois de um 2017 dedicado aos modelos hatchs e SUV´s, 2018 parece ser o ano dos sedãs.

O segmento dos compactos premium ganha evidência na agenda de lançamentos. Quase ao mesmo tempo, tivemos o lançamento do Fiat Cronos e do VW Virtus. Podemos incluir neste segmento o Honda City, que passou por uma re-estilização e faz frente aos dois novos competidores.

Tanto o Honda quanto o VW são brasileiros, enquanto que o modela da Fiat é fabricado na Argentina.

 

Taxa zero não existe!

Sabe aquela operação de juro zero para aquisição de veículos? Pois então, ela não existe. É mais uma das formas conhecidas do “me engana que eu gosto”. Pense bem, você emprestaria dinheiro para alguém sem cobrar algo pelo “tempo” do empréstimo e pelo risco de não recebimento? Talvez para um familiar?

A pegadinha da taxa zero esta no desconto à vista que pode ser aplicado no carro e que não é concedido na operação de financiamento.

coaching-financeiro

Digamos que um veículo de R$ 50.000,00 (preço de tabela) ofertado numa condição de taxa zero, se for negociado à vista, poderia ser vendido  com 10% de desconto, de R$ 50.000,00 por R$ 45.000,00.

É ai que temos a “taxa de juros”. O juro zero é sempre calculado no valor de tabela do veículo. Além disto, as operações de taxa zero, normalmente são formatadas em condições de um valor de entrada acima de 50% e com planos de prestações de até 24 meses.

A operação não é ilegal mas nosso conselho é que você sempre compare o montante pago na operação de taxa zero versus preço à vista negociado acrescido de juros do financiamento.

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑